Consumo De Moda: A Relação Pessoa-objeto

Teste agora Após 7 dias, será cobrado valor integral. Cancele quando quiser.

Sinopse

"Muita coisa mudou no Brasil e no mundo nos últimos dez anos. A Moda como reflexo do retrovisor do tempo registrou e sofreu os abalos sísmicos dessas mudanças. Grande parte da indústria têxtil migrou para os países asiáticos, o fast-fashion engoliu a poesia da moda como gafanhotos na plantação, a crise no consumo de moda inventou o see now, by now que apareceu como salva-vidas num mar de consumo escasso. A moda, como a conhecíamos dez anos atrás, acabou e agora é hora de reinventá-la.

É por essas e outras que o relançamento desta obra Consumo de moda: a relação pessoa-objeto se faz necessário. Em 2008 a autora já sinalizava mudanças na forma de pensar e consumir moda. Agora revisitada, ela nos convida a entender e decifrar os enigmas do consumo desta velha esfinge chamada moda para que sigamos em direção ao futuro."