Eu E Outras Poesias

(...)Toma um fósforo. Acende teu cigarro!O beijo, amigo, é a véspera do escarro,A mão que afaga é a mesma que apedreja.Se a alguém causa inda pena a tua chaga,Apedreja essa...

4 Poemas

Nesta reunião de quatro poemas de Augusto dos Anjos, fica clara a intersecção entre a literatura gótica e o Romantismo. Com temáticas lúgubres e melancólicas, em 'O Caixão...

Melhores Poemas Augusto Dos Anjos

A publicação do livro Eu, em 1912, causou estranheza e uma certa repugnância entre os raros críticos que se dispuseram a ler o volume. Leitor do naturalista e fisiologista...

Poesia Falada - Augusto dos Anjos por Othon Bastos

"Li o Eu na adolescência: e foi como se levasse um soco na cara. Jamais eu vira antes, engastadas em decassílabos, palavras estranhas como simbiose, mônada, metafisicismo,...