Alexandre Dumas, mestre do romance de folhetim, imortal criador de Os três mosqueteiros e de O conde de Monte Cristo, é o autor da saga do Capitão Panfílio, um típico pirata...
ler mais
A obra é narrada pelo defunto Brás Cubas, que escreve a própria biografia a partir do túmulo (sendo, portanto, segundo o próprio, não um autor-defunto, mas o primeiro...
ler mais
O livro é uma seleção de poemas de um dos expoentes do romantismo brasileiro, movimento literário do século XIX. A obra, organizada em três partes, apresenta o surgimento do...
ler mais
A narrativa de Memórias de um Sargento de Milícias, de estilo jornalístico e direto, incorpora a linguagem das ruas e das classes média e baixa, fugindo dos padrões...
ler mais
Publicado pela primeira vez em 1888, o livro conta a história de Sérgio, menino que é enviado para um colégio interno renomado da cidade do Rio de Janeiro, denominado Ateneu....
ler mais
O Guarani é um romance indianista estruturado bem ao gosto romântico, pois o enredo contém ingredientes próprios dessa temática, como amor, aventuras, vilões, além do teor...
ler mais
No espaço do Rio de Janeiro colonial, um homem importante e rico mantém caso amoroso com uma mulher que havia migrado do Rio Grande do Sul e se separara do marido, em razão de...
ler mais
Os personagens principais desta obra são os moradores de um cortiço no Rio de Janeiro, precursor das favelas, onde moram os excluídos, os humildes, todos aqueles que não...
ler mais
O romance conta um caso de amor conduzido por um ponto de vista feminino: a mulher, aparentemente próxima ao estado de 'objeto', exige o tempo inteiro a condição de sujeito da...
ler mais
Quando ainda era um bebê, a Princesa Aurora foi amaldiçoada por Malévola, uma fada má, e desde então passou a ser criada secretamente por suas três fadas madrinhas. Anos...
ler mais
página 1 de 4